Menu

(83)3044-3282 (JP)    (83)2102-0800 (CG)       Siga-nos

Ler Notícia

Fonacate aciona STJ para que Paulo Guedes apresente cálculos que embasaram a reforma administrativa
segunda-feira, 05 de outubro, 2020

Essas informações são essenciais ao debate sobre as alterações propostas pelo governo, que podem impactar milhões de brasileiros. “Caso a divulgação se dê apenas após a finalização do processo legislativo premissas equivocadas não poderão ser afastadas”, explica Larissa Benevides, advogada do Fonacate

 

O Fórum das Carreiras de Estado (Fonacate), em articulação com a Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público, coordenada pelo deputado federal professor Israel Batista (PV/DF), impetrou, na sexta-feira (2), mandado de segurança no Superior Tribunal de Justiça (STJ) contra o ministro da Economia, Paulo Guedes, e a coordenadora-geral de Arquitetura de Carreiras do ministério, pela restrição de acesso aos documentos que embasaram a reforma administrativa (PEC 32/2020).

 

De acordo com a assessora jurídica do Fonacate, Larissa Benevides, a restrição foi de forma indevida. O procedimento adequado não foi devidamente observado, principalmente porque inexiste base legal para a atribuição de sigilo.

 

“Não é preciso que o Legislativo encerre a deliberação acerca da PEC 32/2020, como sustenta o Ministério da Economia, para que o Executivo dê a devida publicidade aos dados e aos estudos que embasaram o projeto já apresentado ao Congresso Nacional. A disponibilização dessas informações é essencial ao debate público acerca das alterações propostas, que podem impactar milhares ou até milhões de brasileiros. Caso a divulgação se dê apenas após a finalização do processo legislativo premissas equivocadas não poderão ser afastadas”, explicou Benevides.

 

O presidente do Fórum e no Unacon Sindical, Rudinei Marques, em vídeo publicado nas redes sociais afirmou que “o governo tem a obrigação, conforme determina a Lei de Acesso à Informação (LAI), de apresentar esses dados”, por isso o Fonacate foi ao Judiciário “cobrar que o Ministério da Economia apresente as informações para todos os interessados”.

 

Ao ser acionado para prestar informações, o Serviço de Informações ao Cidadão do Ministério da Economia destacou:

“Em resposta à sua solicitação, primeiramente, importante registrar que todos os documentos incluídos no processo constituem documentos preparatórios, nos termos do inciso XII do art. 3º do Decreto nº 7.724, de 2012, segundo o qual documento preparatório é aquele documento formal utilizado como fundamento da tomada de decisão ou de ato administrativo, a exemplo de pareceres e notas técnicas.

 

Neste sentido, de se observar que a matéria está pendente de ato decisório conclusivo, tendo em vista que é uma Proposta de Emenda Constitucional – PEC, a qual ainda encontra-se em análise no congresso, somente podendo ser tido como editado após a conclusão de toda a tramitação necessária. Assim, uma vez que o processo encontra-se classificado com base no art. 20 do Decreto nº 7724, de 2012, não é possível a disponibilização do seu conteúdo neste momento.

 

Assim, considerando-se o princípio da segurança jurídica e o disposto no § 3º do art. 7º da Lei de Acesso à Informação (Lei nº 12.527/2011), informa-se que o acesso aos documentos solicitados a este Ministério, e que não tenham restrição de acesso prevista em legislação específica, será garantido após a edição do ato correspondente.

 

Atenciosamente,

Serviço de Informações ao Cidadão (SIC)

 

Ministério da Economia”

 

Veja o teor do mandado de segurança do Fonacate.

Outras Notícias
 

Fenafisco e Fonacate fazem últimos ajustes nas propostas de emenda à reforma administrativa

quarta-feira, 21 de outubro, 2020

Entidades do fisco rebatem Maia: reforma tributária é “urgente e imprescindível”

quarta-feira, 21 de outubro, 2020

Tribunal de Justiça da Paraíba homologa acordo para liberação de precatórios beneficiando servidores públicos estaduais

terça-feira, 20 de outubro, 2020

Sefaz publica 13ª edição do Boletim Covid-19 com dados de setembro

terça-feira, 20 de outubro, 2020

Governo da PB renova estado de calamidade pública por 180 dias devido ao coronavírus

terça-feira, 20 de outubro, 2020

Não à reforma administrativa

segunda-feira, 19 de outubro, 2020

Aposentadoria

segunda-feira, 19 de outubro, 2020

Agenda: atendimento presencial

segunda-feira, 19 de outubro, 2020

Importância do voto consciente

terça-feira, 13 de outubro, 2020

Página 1 de 480 [1 2 3 4 5 6 7 8 9 > >> ]